Voltar

Testes de segurança da app StayAway COVID já começaram

17/08/2020
91_Videos_desktop

O Secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, anunciou esta segunda-feira que começaram hoje os testes de segurança da aplicação móvel StayAway COVID (para iOS e Android), cujo objetivo é ajudar no rastreio da COVID-19. Neste momento, a app encontra-se em fase piloto em Portugal.

“Começam hoje os testes de segurança da aplicação, que, segundo o Centro Nacional de Cibersegurança, terão uma duração de mais ou menos duas semanas”, adiantou o governante, em declarações aos jornalistas na conferência de imprensa de atualização dos dados da pandemia da COVID-19.

Paralelamente, revelou Lacerda Sales, a Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) está a “trabalhar para garantir que o SNS 24 tem toda a informação necessária para dar resposta a questões relativamente à aplicação, bem como para garantir o seu encaminhamento em caso de necessidade”.

O Secretário de Estado da Saúde afirmou que o trabalho continua a ser feito “com firmeza e convicção”. “Não podemos achar que o problema está resolvido quando temos ciclos mais positivos como é o atual. Só mantendo as medidas de proteção conseguimos prolongar no tempo esses resultados até haver tratamento ou vacina”, destacou.

Como habitualmente, a conferência de imprensa começou com uma atualização dos números. De acordo com o boletim epidemiológico publicado hoje pela DGS, Portugal regista esta segunda-feira mais 103 casos de recuperação da COVID-19, o que eleva para 39.800 o número total de recuperados, ou seja, 73.4% do total de infetados pelo novo coronavírus.

Desde março, foram confirmados 54.234 casos de COVID-19 em Portugal, o que representa um aumento de 123 em relação ao dia de ontem (mais 0.2%).

Por outro lado, o país acumula 1.779 óbitos (mais um do que ontem) relacionados com a pandemia da COVID-19.