Voltar

Secretário de Estado da Saúde apela à vacinação em tempos de pandemia

mãe e filho banner

“Não podemos deixar o medo vencer. A vacinação das crianças é crucial”, alertou esta terça-feira o Secretário de Estado da Saúde, António Sales, na conferência de imprensa de atualização dos dados sobre a pandemia de COVID-19.

Lembrando que “Portugal conseguiu atingir ao longo dos anos elevadas taxas de cobertura vacinal”, o governante reforçou a importância de os pais cumprirem o que está previsto no Programa Nacional de Vacinação (PNV).

“Ainda que atravessem um período e um momento difícil, os pais não devem adiar a vacinação dos seus filhos, sob pena de Portugal enfrentar um surto de outras doenças infeciosas evitáveis e com consequências potencialmente graves mais tarde”, referiu, destacando que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) está preparado para responder. “Este é um momento de responsabilidade e não de retrocesso nas nossas conquistas coletivas”, concluiu.

De acordo com o último boletim epidemiológico publicado pela DGS, Portugal tem 21.379 casos confirmados de COVID-19, mais 516 do que na segunda-feira, o que corresponde a um crescimento de 2.5%.

Pela primeira vez desde o início da pandemia de COVID-19, o número de recuperados (917) ultrapassou o número de óbitos relacionados com a infeção (762).