Voltar

Portugal tem 56 laboratórios a processar amostras

laboratório banner

O país conta atualmente com 56 laboratórios a processar amostras para despiste de COVID-19, dos quais 30 dentro da esfera do Serviço Nacional de Saúde (SNS), 13 privados e 13 referentes a outras entidades, adiantou esta quarta-feira o Secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales.

O governante falava na conferência de imprensa de atualização dos dados da pandemia de COVID-19, que contabiliza agora 21.982 casos de infeção, 785 óbitos e 1.143 casos de recuperação.

Segundo António Sales, foram processadas mais de 288.000 amostras para diagnóstico para COVID-9 desde o dia 1 de março, sendo que na semana de 13 a 19 de abril foram processadas, em média, 11.800 amostras por dia.

“A reserva nacional mantém-se com mais de um milhão de testes em stock, que vão sendo distribuídos de acordo com as necessidades”, adiantou o Secretário de Estado da Saúde.

Na sua intervenção inicial, o governante lembrou ainda que o “SNS 24 continua a ser um suporte importante na resposta à COVID-19”, recebendo atualmente “cerca de 8.000 chamadas diárias, o que mostra uma tendência de estabilização”.

Neste momento, referiu, “o tempo de espera para atendimento é inferior a um minuto”. Para António Sales, “este serviço é um exemplo paradigmático da adaptação da resposta do SNS à pandemia”.