Voltar

Portugal recebeu 952 ventiladores desde o início da pandemia

26/06/2020
novo coronavírus covid 19 banner

Desde o início da pandemia, Portugal recebeu 952 ventiladores, entre compras e doações, para os quais foram fretados 14 aviões, adiantou a Ministra da Saúde ao início da tarde desta sexta-feira.

Marta Temido falava aos jornalistas na conferência de imprensa de atualização dos dados da pandemia da COVID-19, onde foi questionada sobre o estado das aquisições destes equipamentos.

Segundo a governante, os ventiladores encomendados pela ACSS (Administração Central dos Serviços de Saúde) já estão “maioritariamente entregues”. “Nos últimos voos chegaram 560 ventiladores, que, à medida que vão sendo verificados e testados, são distribuídos pelos hospitais”, referiu.

Questionada sobre a aplicação de rastreio de contactos para telemóveis, que já está a ser usada em alguns países, a Ministra revelou que em breve estará disponível para utilização experimental, sendo que a sua utilização é uma opção “voluntária e individual”.

De acordo com o boletim epidemiológico publicado esta sexta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS), Portugal regista mais 451 casos de COVID-19, o que eleva o total de infetados para 40.866.

A última atualização indica que o país tem agora 26.633 pessoas recuperadas da infeção provocada pelo novo coronavírus, o que significa um crescimento de 251 em relação ao dia de ontem.

Com um total de 1.555 óbitos (mais 6 do que na quinta-feira), o país apresenta uma taxa de letalidade global de 3.8%, que sobe para 16.5% na população com mais de 70 anos.