Voltar

Pessoas com alta clínica estão aptas para voltar à escola ou ao trabalho

21/10/2020
76_Desconfinamento_desktop

A Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, esclareceu esta quarta-feira que “se as pessoas tiverem alta clínica quer dizer que estão aptas a voltar quer ao trabalho quer à escola”.

Em declarações aos jornalistas na conferência de imprensa de atualização dos dados da pandemia da COVID-19, a especialista em saúde pública apelou aos empregadores e às escolas que não tenham nenhum receio de receber os doentes após a alta clínica.

De acordo com a atualização da norma nº 004/2020, o isolamento termina ao fim de dez dias, sem necessidade de teste, “para os doentes com doença ligeira a moderada que não tido agravamento dos seus sintomas e que estejam sem febre e sem medicação para a febre nos últimos três dias”. E o mesmo se aplica às pessoas com doença assintomática.

Este é, explicou Graça Freitas, o critério de alta clínica “internacionalmente aceite” e que, neste momento, está a ser utilizado em Portugal.

Mais informações em: Norma n.º 004/2020, de 23/03/2020 e atualizada a 14/10/2020 .