Voltar

Número de novos casos estabilizado em 200 a 300 por dia

enfermeiros banner

A Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, considera que o número de novos casos por dia está estabilizado, com cerca de 200 a 300 por dia, apesar de se registarem alguns surtos, como o que se verifica na Azambuja.

Durante a conferência de imprensa, fez um balanço deste surto, referindo que “estão programados 339 testes na SONAE, nos dois setores que têm casos”, e que os testes “ainda estão em curso, mas já permitiram identificar 76 casos positivos”.

Entre as medidas tomadas estão “o acompanhamento de todos os casos positivos que estão bem, como dos seus contactos, como ainda estão a ser acompanhados e rastreados alguns coabitantes e pessoas da comunidade”, refere. Foram ainda reforçados os meios de transporte, de forma a evitar o contacto físico próximo entre as pessoas.

Também na Azambuja, e por princípio da precaução, outras empresas testaram seus trabalhadores. “Numa dessas empresas foram encontrados dois casos positivos e, noutra, três. Felizmente, em todas as outras, não foram encontrados outros casos positivos”.

A Diretora-Geral da Saúde aproveitou para recordar que “as autoridades de saúde de Lisboa e Vale do Tejo, as autoridades municipais da Azambuja, os gestores destas empresas e, em particular, a SONAE, têm obviamente acompanhado esta situação de perto para interromper cadeias de transmissão.

Relativamente ao surto no serviço de pneumologia do Hospital de Santa Maria (Centro Hospitalar de Lisboa Norte), a especialista em saúde pública salientou que se trata de “um serviço grande, que tem 90 camas, duas Unidades de Cuidados Intensivos e várias unidades técnicas”.

Foram identificados inicialmente dois profissionais com doença e foram testados os 11 doentes dessa enfermaria, tendo três deles tido um teste positivo. “Estes doentes foram transferidos para uma área COVID do hospital e essa enfermaria vai sofrer uma descontaminação, uma limpeza profunda, na segunda-feira e vai reabrir na terça-feira. Os restantes setores o serviço estão a funcionar normalmente”, salientou.

Relativamente aos profissionais, Graça Freitas explicou que foram realizados testes a todos. Neste momento, temos o mesmo número de positivos que tinha sido identificado ontem, que são onze. De referir que os doentes da enfermaria onde aconteceram os outros três casos já foram testados novamente. A maior parte deles, além dos testes iniciais, já fez mais três testes por princípio da precaução e têm estado todos negativos”.

De acordo com o Boletim Epidemiológico publicado hoje pela Direção-Geral da Saúde, existem 30.200 casos confirmados de COVID-19, mais 288 que no dia de ontem (+1%). Verificam-se 576 casos em internamento, dos quais 84 em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), menos oito casos que ontem. A destacar ainda que há 7590 casos de recuperação, mais 1138 que ontem, o que corresponde a 25,1% dos casos confirmados. Registam-se ainda 1288 óbitos desde o início da pandemia.