Voltar

Número de infeções em lares de idosos está a diminuir

idosos no computador banner

Portugal regista 285 casos de infeção em lares de idosos, “o que representa uma diminuição”, disse esta terça-feira o Secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, na conferência de imprensa diária de atualização dos dados da pandemia de COVID-19.

“Quanto aos lares, registamos 285 casos de infeção por COVID-19, o que representa uma diminuição. São 11,3% do universo de Estruturas Residenciais Para Idosos. No Alentejo, por exemplo, já não há, de momento, lares com casos positivos”, avançou o governante.

O responsável disse ainda que existe registo de 1.760 utentes positivos, dos quais 190 estão internados em unidades hospitalares.

“Continuamos empenhados em proteger os mais vulneráveis, em identificar focos de doença, enquanto continuamos a preparar o Serviço Nacional de Saúde, não só para a resposta COVID e não-COVID, como também para garantir condições de resposta a esta pandemia, que é pandemia flexível, dinâmica e imprevisível”, afirmou Lacerda Sales, na sua intervenção inicial.

De acordo com o relatório epidemiológico publicado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), o país regista 31.007 casos confirmados de COVID-19, mais 219 do que ontem, o que corresponde a um aumento de 0.7%, e 1.342 óbitos relacionados com a infeção (mais 12).

Por outro lado, Portugal contabiliza 18.096 casos de recuperação da COVID-19 (mais 274 do que na segunda-feira), que representam 58.4% do total de casos.

Dos 513 casos em internamento (1.6% do total), 71 encontram-se em unidades de Cuidados Intensivos (menos 1 do que ontem).