Voltar

Intervalo entre as duas vacinas da Pfizer passa para 28 dias

01/03/2021
imagens_vacinas_1

O intervalo entre as duas doses da vacina da Pfizer/BioNtech contra a COVID-19 foi alargado de 21 para 28 dias, anunciou esta segunda-feira o Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales, em conferência de imprensa.

“Queremos dar nota de que foi hoje mesmo atualizada a norma 021/ 2020 da DGS, relativa à vacina da Pfizer, alargando de 21 para 28 dias o intervalo entre a toma da primeira e da segunda dose. É uma decisão com amplo consenso técnico da DGS e do Infarmed e que vai permitir a vacinação de mais 100 mil pessoas até ao final de março”, afirmou o governante, numa conferência de imprensa realizada no Ministério da Saúde, em Lisboa.

De acordo com o Secretário de Estado, a alteração do tempo de intervalo vai permitir intensificar o ritmo de vacinação, o que permitirá vacinar mais 100 mil pessoas até ao fim deste mês.

Segundo a atualização da Norma 021/2020, sobre a vacina Comirnaty, o esquema vacinal recomendado passa a ser de 2 doses com intervalo de 28 dias.

Mais informações:
Norma nº 021/2020 de 23/12/2020 atualizada a 01/03/2021
COVID-19 : Campanha de Vacinação contra a COVID-19 : Vacina COMIRNATY®