Voltar

Infarmed prepara orientações sobre hidroxicloroquina

28/05/2020
novo coronavírus covid 19 banner

A Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, adiantou esta quinta-feira que “será emitida uma orientação a muito breve prazo” sobre o uso da hidroxicloroquina no tratamento de doentes com COVID-19 em Portugal.

Na sequência da suspensão de vários ensaios clínicos nos quais o medicamento era usado, o Infarmed (Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde) encontra-se a avaliar a sua utilização em Portugal.

“O Infarmed, a autoridade que regula o setor do medicamento, e a EMA [Agência Europeia do Medicamento], que é a autoridade europeia, têm acompanhado a situação deste medicamento”, disse a especialista em saúde pública.

“Estamos neste momento a avaliar em que estatuto é que vai ficar no nosso país”, referiu, destacando que em breve será emitida uma orientação, com base no que for decidido pelo Infarmed, pela EMA e pela Direção-Geral da Saúde.

De acordo com o boletim epidemiológico publicado pela Direção-Geral da Saúde, Portugal regista esta quinta-feira 31.596 casos confirmados de COVID-19, mais 304 do que no dia de ontem, o que representa um crescimento de 1%.

A última atualização aponta para 512 casos em internamento, dos quais 65 em unidades de Cuidados Intensivos (menos um do que na quarta-feira), e 1369 óbitos.

Do total de infetados, 35.1% encontram-se a recuperar no domicílio e 1.6% internados (0.2% em unidades de Cuidados Intensivos e 1.4% em enfermaria).