Voltar

Diretora-Geral da Saúde recomenda automonitorização dos sintomas

23/09/2020
10_Distanciamento_e_isolamento_desktop

A Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, disse esta quarta-feira que é recomendada a automonitorização dos sintomas da COVID-19 antes de as pessoas se dirigirem ao seu local de trabalho ou, no caso dos estudantes, à escola.

“A medição da temperatura é feita nos aeroportos, nos pontos de entrada do nosso país, com determinados critérios e equipamentos. É aí que está recomendada”, começou por explicar a especialista em saúde pública, questionada sobre a medição da temperatura na conferência de imprensa de atualização dos dados da pandemia da COVID-19.

Na restante população, prosseguiu, “não temos nenhuma recomendação específica, a não ser aquela que é as próprias pessoas fazerem a automonitorização dos seus sintomas, entre eles a temperatura, antes de se deslocarem para a escola ou para o trabalho”.

Graça Freitas advertiu, ainda, que “as instituições que entenderem implementar esse método deverão pedir autorização às pessoas para que lhes seja medida a temperatura”. Além disso, sugeriu, essas entidades “deverão manter o sigilo e o recato necessários para que a pessoa não veja revelado o seu valor da temperatura em público”.