Voltar

Atualizada Norma sobre os procedimentos a adotar na primeira fase de vacinação

09/02/2021

A Direção-Geral da Saúde (DGS) publicou esta terça-feira a atualização da Norma 002/2021, que aborda os procedimentos a adotar na implementação da primeira fase do Plano de Vacinação contra a COVID-19.

De acordo com esta atualização, as doses de vacinas que possam sobrar devem ser utilizadas na vacinação de qualquer pessoa elegível dentro da fase em curso, “devendo respeitar-se a ordem de prioridades definida nos termos da presente Norma, através da definição de uma lista, de elaboração obrigatória, de pessoas a convocar em caso de vacinas sobrantes”.

Se não for possível, a vacinação “deve prosseguir através da vacinação de pessoas incluídas noutra fase do plano de vacinação, desde que pertencentes aos grupos prioritários e em respeito pelos subgrupos de prioridades”.

A administração de vacinas deve ser organizada de forma a evitar o desperdício de doses. Para isso, os frascos (não perfurados) que sobrarem de uma sessão vacinal devem ser utilizados no mesmo dia, se não tiverem sido mantidos continuamente à temperatura de 2-8.ºC, e os frascos já perfurados não devem ser transportados.

Mais informação: Norma nº 002/2021 de 30/01/2021 atualizada a 09/02/2021 – Campanha de Vacinação contra a COVID-19